E o rapázi tão na praia, raça!!!!! Parabéns a todos os envolvidos neste processo de trazer o Salvamento Aquático para a Praia do Moçambique. No último dia 11 de Dezembro de 2010, Emerson Miranda – Caverinha – , Jorge Senábio – Jorjão – , André Vitor – DéVitu – e Josué Dilmo dos Santos – Jôsu – assumiram a primeira Guarnição de Salvamento Aquático da Praia do Moçambique. Juntos também aos Guarda-vidas civis Alexandre, Reginaldo, Ricardo e Luan realizaram o Curso de Formação de Guarda-vidas civis do Corpo de Bombeiros de Santa Catarina – CFGC – e agora fazem história no Salvamento Aquático Catarinense.

“Abrir o salvamento na Praia do Moçambique é o sonho realizado; uma bênção! A humanização do Corpo de Bombeiros é crescente e positiva. É histórico pelo fato de uma instituição Militar dar um voto de confiança tão grande a uma guarnição civil, perante uma praia tão perigosa. Temos que nos unir num só corpo para podermos salvar a nós mesmos e estarmos de prontidão, para estender a mão ao próximo e ajudá-lo, a qualquer hora, a qualquer momento, seja quem for; é a nossa missão!”, ressalta Caverinha.


A responsabilidade desta equipe é dobrada, porque além de nunca ter tido esse serviço na praia, são todos civis, moradores do bairro e autorizados pelo Comando Geral do Bombeiro, para atuarem na prevenção, resgate e salvamento numa área de patrulha de 1ooo a 1500 metros. Inicialmente e pela sempre e tradicional falta de efetivo, a cobertura pelos guarda-vidas é pequena visto que a extensão da praia é muito maior que isso, mas é o início de uma nova era. Saõ 4 Guarda-vidas pela manhã – das 8h às 14h – e mais 4 à tarde – das 14h às 20h. Muitos empregos poderão ser ofertados nos anos seguintes e a preferência para os surfistas e moradores do bairro é uma das vantagaens para a comunidade. Até porque, é necessário um conhecimento mais avançado sobre as condições da Praia do Moçambique, pois é a maior praia de mar aberto da Ilha. A familiaridade que os surfistas possuem faz com que tenham um currículo mais apurado.

Graças ao Moçambique Day que aconteceu em 26 de Setembro de 2010, na Praia do Moçambique, e a muitas outras ações anteriores da Associação de Surf doMoçambique, da comunidade, do Parque Estadual do Rio Vermelho, da Polícia Ambiental, do Corpo de Bombeiros, da Jet Resgate, da Fatma e de pessoas de bem que perderam entes queridos nas águas do Moçambique, que isso tudo está acontecendo; mostra a força da união das pessoas por uma causa comum, justa e que venha a salvar uns aos outros.

Todas as outras agências estão apoiando a proposta nesta nova empreitada. Esperamos continuar com a colaboração de todos e agradecer também a Nida – Restaurante da Nida – e ao Chara – Taboa Restaurante que estão fornecendo alimentação cortesia à guarnição. Nida nas Segundas, Quartas e Sextas; Chara Sábados e Domingos até o fim da temporada. Outras bênçãos e que Deus os ajude sempre!

Sejam todos bem-vindos a Praia do Moçambique e  conte com a gente se precisar!