De luta, de sofrimento, de noites sem dormir, de dias irados, de noites belas, de sonos sem sono, de ondas, de glórias, de derrotas, de semanas lindas, de mulheres, de homens, de crianças, de papais, de mamães, de vovós, de vovôs, de professores, de professoras, do parque, da praia, de campeonatos, de picuinhas, de planejamentos, de nada dar certo, de desistir, de não desistir, de continuar, de pegar um papel aqui, mandar um ofício lá, cortar e carregar pau pra botar na praia, de bambu nas costas, de carro na duna, de ações ambientais repercussivas, de repercussão, de gente que não tem nada o que fazer, da baleia, da tainha, do surfe, do saragaço, do alimento sagrado, da bênção, dos mais antigo, do “mais velho”, de conquistas, de perda, da vida! Na foto, Seo João do Rio Vermelho.